quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

ASSINATURA PROTOCOLO REDE CONCELHIA
BIBLIOTECAS DE ALPIARÇA
    
No passado dia 28 de novembro  foi assinado o protocolo da Rede Concelhia de Bibliotecas de Alpiarça, na Biblioteca Municipal e com a presença dos Srs. Presidente da Câmara Municipal de Alpiarça, Presidente do Agrupamento de Escolas José Relvas, presidente da Sociedade Filarmónica 1º de Dezembro, Bibliotecário Municipal, coordenadora interconcelhia, professora bibliotecária, representante dos pais, professores, alunos e comunidade em geral.
Foi mais um momento em que se confirmou um dos princípios da RBE, estabelecer uma rede de trabalho colaborativo entre as bibliotecas das escolas e outras entidades de forma a sustentar o trabalho desenvolvido e a desenvolver, no sentido de responder a uma ordem particular de preocupações relacionadas, para além da própria organização e gestão de espaços, equipamentos e fundo documental, também com os níveis de leitura e literacia, partindo deste modo, para uma visão colaborativa do papel que a todos cabe desempenhar, sabendo-o plural e tecido por todos!

Fica o testemunho!

Click to play this Smilebox slideshow
Create your own slideshow - Powered by Smilebox
Another digital slideshow by Smilebox

domingo, 2 de dezembro de 2012

  INAUGURAÇÃO DA BE 
DO 
CENTRO ESCOLAR PROF. ABEL AVELINO

No dia 28 de novembro foi inaugurada a biblioteca escolar do centro escolar Professor Abel Avelino, em Alpiarça.

Fica o testemunho!
Click to play this Smilebox slideshow
Create your own slideshow - Powered by Smilebox
Customize your own slideshow design

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Boa semana para todos!
Próximo evento em Óbidos! Feliz Natal.
BIBLIOTECA GIL PAES

Programa de ações de animação e promoção do livro em novembro e dezembro.


Afonso Cruz recebe o prémio da União Europeia para a Literatura 2012

APRENDER COM A BIBLIOTECA ESCOLAR

Vivemos uma época de profunda mudança, fortemente marcada pela revolução tecnológica e digital e com grande impacto em todos os domínios da vida social, designadamente na educação e na escola.
Para serem bem sucedidos na sua vida pessoal, escolar e profissional, os jovens têm hoje, não só de dominar os saberes convencionais, como um conjunto de novas competências de literacia, cada vez mais complexas e variadas.
A preocupação face a estas exigências, tem determinado a colocação na agenda das instituições educativas, de novos quadros de referência sobre as aprendizagens dos alunos que hoje cabe à escola garantir, sendo de assinalar a integração curricular nestes quadros, de um conjunto de conhecimentos e capacidades transversais, considerados nucleares no nosso tempo.
 As bibliotecas escolares são, pelas condições de acolhimento, acesso à informação e possibilidades de aprendizagem que facultam, um recurso privilegiado das escolas para responder a estes desafios.
Foi esta convicção do papel que as bibliotecas podem desempenhar no desenvolvimento da literacia da leitura, dos média e da informação e no uso crítico e criativo das tecnologias, que motivaram a elaboração, pela Rede de Bibliotecas Escolares, de um referencial de aprendizagens associado ao trabalho das bibliotecas escolares.
O Referencial e um conjunto de materiais complementares podem ser acedidos através das seguintes ligações ou, diretamente, na área de conteúdos do portal RBE:

- Aprender com a biblioteca escolar:

- Aprender com a biblioteca escolar: enquadramento e conceção:

- Aprender com a biblioteca escolar: apresentação:







CONHECER A CIDADE
CONHECER A CIDADE


A promoção de uma consciência crítica e de um conhecimento fundamentado das questões ligadas ao urbanismo e ao património arquitetónico constituem, nos nossos dias, um imperativo da cidadania.
A colaboração e ação transversal das bibliotecas escolares no desenvolvimento das literacias e no acesso ao conhecimento fazem delas um meio privilegiado para a inclusão destes saberes no âmbito educativo.
O projeto "Conhecer a Cidade" resulta de uma parceria entre a Rede de Bibliotecas Escolares e a Ordem dos Arquitetos, no intuito de promover a educação pela arquitetura, património, urbanismo e cidadania, junto de um público infantil e juvenil.
A inscrição das escolas/agrupamentos no projeto "Conhecer a Cidade" será realizada através dos Coordenadores Interconcelhios de Bibliotecas Escolares (CIBE). Esta inscrição irá acionar o processo de colaboração entre as escolas e a Rede de Bibliotecas Escolares e Ordem dos Arquitetos, que prestarão o apoio necessário.
Para o desenvolvimento do projeto serão disponibilizados diversos recursos e materiais.

Apresentação do projeto em

Materiais pedagógicos em:







quinta-feira, 22 de novembro de 2012


Vai ser inaugurada, no dia 28 de novembro, a Biblioteca Escolar do Centro Escolar Professor Abel Avelino, em Alpiarça e vai ser assinado o protocolo da Rede Concelhia de Bibliotecas, do concelho de Alpiarça.

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

WORKSHOP: "Ser Voluntário na BE"

Realizou-se, na EB Mem Ramires, em Santarém, um workshop dirigido aos professores bibliotecários dos concelhos de Almeirim, Alpiarça, Chamusca e Santarém, sobre "Ser Voluntário na Biblioteca Escolar"

 Fica o testemunho!


Click to play this Smilebox slideshow
Create your own slideshow - Powered by Smilebox
Create a slideshow design

COMUNIDADES DE PRÁTICA
E
BIBLIOTECAS ESCOLARES

A RBE assinalou o “Dia da biblioteca escolar” com a publicação de “Comunidades de prática e bibliotecas escolares”, documento que aborda os princípios teóricos associados às comunidades de prática, perspetivando a sua rentabilização ao serviço das bibliotecas.

Documento disponível em:

RELATÓRIO SOBRE O ESTADO DA LITERACIA
 NA
UNIÃO EUROPEIA
O relatório sobre o estado da literacia na União Europeia apresentado em Portugal, na VI Conferência do PNL, pela Princesa Laurentien, que presidiu ao grupo de peritos responsável pela sua elaboração, em que participou Roberto Carneiro, tem agora uma síntese em língua portuguesa.

O relatório surgiu na sequência dos últimos resultados do Programa PISA e enquadra-se no contexto da estratégia Europa 2020 da UE, para cuja concretização, a literacia constitui uma questão chave.

O documento procura ser uma chamada de atenção para o problema da iliteracia, que afecta atualmente todos os países europeus, analisando a problemática que, no presente, envolve o domínio da literacia, a sua evolução face ao desenvolvimento das modernas tecnologias e à necessidade de repensar o tipo de competências necessárias no futuro, bem como as estratégias para a sua melhoria. Daí o título de capa da versão síntese portuguesa: Aja agora mesmo!

Entre as recomendações deste relatório, merece destaque o reconhecimento e reforço do papel das bibliotecas escolares no livre acesso à informação, aprendizagem e desenvolvimento da literacia, e a continuidade do apoio a este sector.

Portugal é um dos países referidos que mais progressos fez a nível do PISA, sendo dada ênfase, a este propósito, aos contributos do PNL, RBE e de outras iniciativas.
Documento disponível em:



domingo, 11 de novembro de 2012

SÓ O AMOR É REAL
 

"Para cada um de nós, existe alguma pessoa especial. Muitas vezes, existem duas, três, ou mesmo quatro. Todas vêm de gerações diferentes. Atravessam oceanos de tempos e profundidades celestiais para estarem conosco novamente. Vêm do outro lado do céu. Podem parecer diferentes, mas nosso coração as reconhece. Nosso coração as abrigou em braços em tempos antigos. Marchamos juntos nos exércitos de generais guerreiros que a História esqueceu,e vivemos com elas nas cavernas cobertas de areia dos Homens Antigos. Há entre eles e nós um laço eterno,que nunca nos deixa sós. A nossa mente pode interferir. "Eu não te conheço". Mas o coração sabe. Ele toma a nossa mão pela 'primeira' vez,e a lembrança daquele toque transcende o tempo e faz disparar uma corrente que percorre todos os átomos do nosso ser. Ela olha em nossos olhos e vemos um espírito que nos vem acompanhando há séculos. Há uma estranha sensação em nosso estômago

. Nossa pele se arrepia. Tudo o que existe fora desse momento perde a importância. Ele pode não nos reconhecer,muito embora tenhamos finalmente nos reencontrado,embora o conheçamos. Sentimos a ligação. Vemos o potencial,o futuro. Mas ele não o vê. Temores, racionalizações, problemas cobrem-lhe os olhos com um véu. Ele não permite que afastemos o véu. Choramos e sofremos,mas ele se vai. A 'natureza' tem seus caprichos. Quando os dois se reconhecem,nenhum vulcão é capaz de explodir com força igual. O reconhecimento do espírito pode ser imediato. Uma súbita sensação de familiaridade,de conhecer aquela pessoa em níveis mais profundos do que a mente consciente poderia alcançar. Em níveis geralmente reservados aos mais íntimos membros da família. Ou ainda mais profundos. Sabemos intuitivamente o que dizer,como ele vai reagir. Um sentimento de segurança e uma confiança muito maior do que se poderia atingir em apenas um dia,uma semana ou um mês. O reconhecimento da alma pode ser sutil e lento. Um despertar da consciência à medida em que o véu vai aos poucos levantando. Nem todos estão prontos para ver imediatamente. Há um ritmo nisto tudo, e a paciência pode ser necessária àquele que percebe primeiro. Um olhar, um sonho, uma lembrança, uma sensação podem fazer com que despertemos para a presença do espírito. O toque de suas mãos ou o beijo de seus lábios pode nos despertar e projetar-nos subitamente de volta à vida. O toque que nos desperta pode ser de um filho, de um pai, de uma mãe, de um irmão ou de um amigo leal. Ou pode ser da pessoa a quem amamos, que atravessa os séculos para nos beijar mais uma vez e lembrar-nos de que estamos juntos sempre, até o fim dos tempos."

 

In, Só o Amor é Real

 (Brian Weiss)

terça-feira, 30 de outubro de 2012

Livros de Camilo disponibilizados no sítio do Diário de Notícias


O Diário de Notícias e a Biblioteca Nacional Digital associaram-se à comemoração dos 150 anos do Amor de Perdição, disponibilizando ao grande público, através do sítio do Diário de Notícias,  12 obras de Camilo Castelo Branco em formato digital. Reproduzimos os títulos e respetivas ligações:


quinta-feira, 25 de outubro de 2012

ASSINATURA PROTOCOLO 
REDE CONCELHIA_BENAVENTE

 Realizou-se, no dia 23 de outubro, na Biblioteca Odete e Carlos Gaspar, em Samora Correia, a assinatura do protocolo da Rede Concelhia de Benavente, na presença do sr Diretor Adjunto da DRELVT, sr. Vice-Presidente da Câmara de Benavente, Bibliotecária Municipal, Diretores dos Agrupamentos de Escolas de Benavente,  Diretora do Centro de Formação de Associação de Escolas de Benavente (Educatis),  Coordenadora Interconcelhia, Professoras Bibliotecárias do concelho, alunos, professores e população. 
Foi um momento em que se confirmou todo um trabalho de parceria e rede que tem vindo a ser uma prática efetiva entre a Câmara Municipal de Benavente, Biblioteca Municipal e Agrupamentos de Escolas do concelho de Benavente. 
Para além da apresentação do Portal da Rede Concelhia e respetiva assinatura, aconteceu um momento de poesia,realizado por alunas da EB Professor João Fernandes Pratas, de Samora Correia. 
Assim, o programa da RBE está de parabéns pois alargou a sua rede, através da articulação com parceiros institucionais, no concelho de Benavente, contribuindo para uma visão colaborativa do papel que a todos cabe desempenhar, sabendo-o necessariamente plural, tecido por todos... 
 Foi, com certeza,o início de uma rede que todos os envolvidos desejam e esperam continuar a tecer.

 Fica o testemunho!
Click to play this Smilebox slideshow
Create your own slideshow - Powered by Smilebox
Free digital slideshow generated with Smilebox

PORDATA


Está aí a 3ª edição do Concurso PORDATA/RBE 2012-2013, iniciativa que decorre da parceria estabelecida entre a Fundação Francisco Manuel dos Santos e a Rede das Bibliotecas Escolares.
O Concurso destina-se a alunos do ensino secundário e os trabalhos a apresentar devem usar como fonte de informação principal a base de dados da Pordata.
CONTA-NOS UMA HISTÓRIA



O Ministério da Educação e Ciência, através da Direção-Geral de Educação, da Rede de Bibliotecas Escolares e do Plano Nacional de Leitura, em parceria com a Microsoft, lança a 4.ª edição do concurso Conta-nos uma história! – Podcast na educação.
A iniciativa promove a conceção e desenvolvimento de recursos digitais áudio e vídeo que decorram da produção colaborativa ou do reconto de histórias já existentes – contos, fábulas, parábolas, mitos ou lendas. Pretende-se, deste modo, fomentar a dinamização de projetos desenvolvidos pelas escolas de Educação Pré-escolar e do 1.º Ciclo do Ensino Básico, incentivando a utilização das tecnologias de informação e comunicação, nomeadamente as tecnologias de gravação digital áudiovisuais.
A candidatura é efetuada através do preenchimento de um formulário disponível em linha, até ao dia 15 de janeiro. A entrega dos trabalhos decorrerá de 16 de janeiro a 26 de março de 2013.
Para mais esclarecimentos poderá ser consultado o sítio de apoio ao concurso ou através de contacto para o endereço de correio eletrónico podcast@dge.mec.pt.
MÊS INTERNACIONAL DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES
 
Em Alcanena...
 
 
 


domingo, 21 de outubro de 2012

(Everything I Do) I Do It For You



u
ASSINATURA PROTOCOLO_ REDE CONCELHIA BENAVENTE
 

 
PROGRAMA:
15.30 horas
Apresentação do Portal Concelhio das Bibliotecas do Município
16.00 horas
Assinatura do Protocolo de Cooperação
16.30 horas
"O Momento da Poesia"
( alunos da Escola Básica João Fernandes Pratas)
Coffee Break

 

"Não tenha pressa, mas não perca tempo"
José Saramago


 
 
in, Biblioteca Municipal de Beja - José Saramago
REUNIÃO PARTILHA INTERCONCELHIA_SANTARÉM
 
 
Realizou-se no passado dia 18 de outubro, a primeira reunião de partilha interconcelhia, deste ano letivo ,com os professores bibliotecários dos concelhos de Almeirim, Alpiarça, Chamusca e Santarém.
A reunião teve lugar na Escola Secundária Sá da Bandeira, em Santarém.
 
Fica o testemunho! 

Click to play this Smilebox slideshow
Create your own slideshow - Powered by Smilebox
Customize a slideshow

sábado, 20 de outubro de 2012

 
MÊS INTERNACIONAL DAS BIBLIOTECAS ESCOLARES
 
 
 
Em Torres Novas ...
 
 

WORSHOP: "Histórias com som e imagem"


Deu-se início, no passado dia 11 de outubro, a um ciclo de workshops dinamizados entre e para os professores bibliotecários a exercerem funções, nas bibliotecas escolares dos concelhos de Almeirim, Alpiarça, Chamusca e Santarém. Tendo como principal objetivo a partilha de experiências, serão dinamizados pelos próprios professores bibliotecários, com a partilha de recursos e atividades. Este, o primeiro (Histórias com som e imagem), foi dinamizado pelo professor bibliotecário Ricardo Cruz, do Agrupamento de Escolas de Almeirim, que contou com a colaboração da professora Paula Mesquita.
Fica o testemunho!
Click to play this Smilebox slideshow

 

Create your own slideshow - Powered by Smilebox
This slideshow made with Smilebox

sexta-feira, 19 de outubro de 2012



HOMENAGEM A MANUEL ANTÓNIO PINA



 
Aos Filhos

Já nada nos pertence, 
nem a nossa miséria. 
O que vos deixaremos 
a vós o roubaremos. 

Toda a vida estivemos 
sentados sobre a morte, 
sobre a nossa própria morte! 
Agora como morreremos? 

Estes são tempos de 
que não ficará memória, 
alguma glória teríamos 
fôssemos ao menos infames. 

Comprámos e não pagámos, 
faltámos a encontros: 
nem sequer quando errámos 
fizemos grande coisa! 

Manuel António Pina, in "Um Sítio onde Pousar a Cabeça"

sábado, 29 de setembro de 2012


"Casas com Livros"
Comunicação apresentada pelos bibliotecários municipais de Torres Novas, no Encontro " Bibliotecas Escolares e Municipais. Laços de Bibliotecas", realizado no dia 26 de setembro de 2012, na Escola Secundária Vergílio Ferreira", em Lisboa.




LAÇOS DE BIBLIOTECAS

Realizou-se no dia 26 de setembro de 2012, na Escola Secundária Vergílio Ferreira, em Lisboa, o Encontro "Bibliotecas Escolares e Municipais. Laços de Bibliotecas".
Este encontro teve como objetivo proporcionar a bibliotecários municipais e professores bibliotecários, assim como a outros profissionais do ensino, o testemunho de práticas que são desenvolvidas, em articulação, entre bibliotecas municipais e bibliotecas escolares, através do SABE.

Fica o testemunho!


Click to play this Smilebox slideshow
Create your own slideshow - Powered by Smilebox
Personalize your own slideshow design

sexta-feira, 28 de setembro de 2012

REUNIÃO DE PARTILHA INTERCONCELHIA
TORRES NOVAS

Realizou-se no passado dia 25 de setembro a primeira reunião de partilha interconcelhia com os professores bibliotecários dos concelhos de Alcanena, Entroncamento, Golegã e Torres Novas. A reunião teve lugar na Escola Básica Manuel Figueiredo, em Torres Novas.

Fica o testemunho!


Click to play this Smilebox slideshow
Create your own slideshow - Powered by Smilebox
This free slideshow personalized with Smilebox

quarta-feira, 19 de setembro de 2012


Concurso  - Ler em Português



A RBE relança a 1ª Edição do Concurso Ler Em Português. Este concurso resulta de uma parceria entre a RBE, PNL e FLAD (Fundação Luso-Americana para o Desenvolvimento).
Foi já colocado um destaque na Página da RBE e todas as informaçãoes reltivas ao concurso e à edição 2012.13, podem ser consultadas no sítio http://www.lerportugues.net.
Ler Em Português destina-se a alunos do ensino secundário e respetivos professores, das escolas públicas e privadas de Portugal (continente e ilhas) e dos Estados Unidos de América.

sábado, 15 de setembro de 2012



E recomeço a busca
dum país liberto
duma vida limpa

e dum tempo justo

 Sophia de Mello Breyner/Eduardo Gageiro — com Maria Aleixo.


terça-feira, 11 de setembro de 2012





Claro, podemos deixar tudo na mesma, deixar que a rotina suavemente volte a tomar conta da nossa vida. O verão pode não passar de um sonho, um efémero intervalo no decurso dos dias que os outros, as coisas, ou simplesmente o mundo, conduzem. De que terá então servido?
Podemos também encarar o recomeço como um desafio: oportunidade para pormos em causa o que fazemos e o que somos. Diante da novidade, por mais pequena que seja, somos convidados a reinventar-nos, com toda a bagagem que trazemos connosco, e com a liberdade de tudo arriscar. Trata-se de um jogo difícil: assumir a nossa história com a sua continuidade, e ao mesmo tempo não nos deixarmos prender por nada. Para tal é preciso entregarmo-nos inteiros às possibilidades do presente, encarar com alegria a diferença, sem deixar de recorrer às forças que a experiência passada nos deu.
Em Setembro, há recomeços e recomeços… que o nosso seja a sério!
António Ary, sj

sábado, 8 de setembro de 2012


MÃE TENHO MEDO, TIRA-ME DAQUI POR FAVOR!
 
 "Minha querida mãe, por favor, sei que sou apenas uma criança, sei que ainda não percebo tudo da vida, sei que tu amas o nosso país e a nossa terra, mas por favor mãe, tira-me daqui, por favor! Tenho medo mãe, muito medo, pois já não te vejo sorrir, choras sempre que chega o dia 15 porque eu sei que não tens dinheiro para comprar coisas para a casa, sei que choras porque trabalhas tanto e não nos consegues dar comida, livros, medicamentos e outras coisas que tu dizes que fazem falta. Sei que choras por não termos brinquedos novos há mais de dois anos, mas isso não me deixa triste mãe, o que me deixa triste é saber que o pai trabalha tanto e também anda triste. Tenho medo minha querida mãe, muito medo, muito mais agora que vi o pai a chamar nomes ao senhor que estava a falar na televisão, aquele de gravata, que o pai chama de ladrão... Mãe eramos tão felizes, a nossa família é de honra, os avós sempre trabalharam e nos ensinaram a respeitar os outros e a cumprir os nossos deveres e agora isto parece um inferno. O pai diz que o nosso país tem mais de trezentos deputados, que as Câmaras Municipais são buracos sem fundo, que as empresas públicas foram criadas para roubar o máximo, que os políticos nunca são culpados de nada e que nós, o povinho, é que sofre com tudo. Eu nem livros tenho para este ano, bem sei que vocês mos queriam comprar, mas mãe eu lá me arranjo com as fotocópias. Bem fez o João, que emigrou com os pais para o Luxemburgo e está sempre a por coisas lindas no facebook. A Cristina foi com os pais para a Bélgica e está sempre a por fotos de coisas novas. Nós aqui só gritamos, berramos e choramos. Aqui na aldeia já nem escola há, nem centro de saúde, nem nada temos. Nas cidades o pai diz que vivem nas ruas e cada vez mais famílias entregam as casas aos bancos. O dinheiro não chega para nada, mas isso nem me importa mãe, desde que não vos visse sempre a chorar... O pai estava a dizer que os portugueses deveriam deixar de pagar impostos, deveriam de deixar de pedir fatura e fazer tudo por fora, pois quanto mais damos mais nos roubam. Enfim, não percebo nada disso, mas vamos embora daqui mãe, por favor, para qualquer outro país, mas por favor vamos embora daqui e vamos ser felizes, como eramos dantes. Não queremos ser ricos, como diz o pai, só queremos que não nos pisem mais. O pai está revoltado porque a avó morreu sem ser operada, estava há três meses na lista de espera e a doença era grave, por isso não resistiu, o que deixa o pai ainda mais revoltado, pois ele sempre descontou os impostos e diz que não merecia isto. Não aguento mais as vossas lágrimas mãe, por isso vamos embora daqui. Por favor mãe. E mãe, só uma coisa, se formos embora e se um dia tivermos dinheiro, depois dos livros para a escola só vos vou pedir uma coisa que desejo muito: umas sapatilhas para jogar à bola."
 
Foto: Fernando Peneiras
Texto: Paulo Costa




quarta-feira, 5 de setembro de 2012

AS FÉRIAS TERMINARAM...

Setembro chegou... as férias acabaram e o regresso ao trabalho aconteceu!
Desejo a todos(as) os(as) colegas um excelente ano letivo, com muitas ideias, dinâmicas, partilhas e sobretudo muitas leituras!
Dia 4 de Setembro, 9H30 da manhã ... começaram a chegar à Escola Secundária com 3º ciclo Sá da Bandeira, em Santarém, os professores bibliotecários (maioritariamente os que exercem as suas funções nas bibliotecas escolares do 1ºCEB) para a primeira reunião do grupo de trabalho, deste ano letivo.
Depois dos cumprimentos de boas vindas, deu-se início à reunião, cuja ordem de trabalhos centrou-se na definição da metedologia de trabalho a adotar nas bibliotecas escolares do 1ºCEB, para o ano letivo de 2012/2013.
Fica o testemunho de uma manhã bastante produtiva, sobretudo devido ao espírito de equipa e partilha que permitiu a todos sairem mais ricos...fica o testemunho!


Click to play this Smilebox slideshow
Create your own slideshow - Powered by Smilebox
Another free photo slideshow by Smilebox

NOVO ANO...OUTRO TERRITÓRIO!

Para o presente ano letivo, o Gabinete da Rede de Bibliotecas Escolares reorganizou o território distribuido pelos coordenadores interconcelhios. Neste contexto, fui contemplada... numa lógica de área geográfica, foi-me retirado o concelho de Rio Maior e atribuidos os concelhos de Alcanena, Entroncamento, Golegã e Torres-Novas!
Assim, no presente ano letivo a minha área de intervenção abrange os concelhos de Alcanena, Almeirim, Alpiarça, Benavente, Cartaxo, Chamusca, Coruche, Entroncamento, Golegã, Salvaterra de Magos, Santarém e Torres-Novas!
Espero conseguir corresponder às expetativas!!!...

Hoje fiz a última reunião com os professores bibliotecários de Rio Maior, na qual estiveram presentes os PB da Escola Secundária Dr. Augusto César da Silva Ferreira e do AE Fernando Casimiro Pereira da Silva. 
Fica o testemunho!